terça-feira, 26 de agosto de 2014

Óleo de cártamo é aliado perfeito da barriga chapada


Turbine os efeitos do óleo de cártamo - que combate a gordura abdominal, a fome e a celulite - com caminhadas leves e seque até 4 kg em 15 dias







Cártamo. Guarde o nome dessa plantinha asiática parente do girassol, porque ela será sua mais nova melhor amiga. É que o óleo feito das sementes dela atua destruindo a gordura localizada no abdome, diferentemente de óleos como o de coco, que ajudam a secar o corpo como um todo. Por isso, ele pode ajudá-la a perder aquele pneuzinho que insiste em saltar para fora da calça. "O óleo possui de 60 a 80% de ácido linoleico (conhecido como ômega 6) e de 20 a 40% de ácido oleico (ômega 9), duas substâncias importantes para ajudar na perda de peso", explica a nutricionista Carla Noce, da Clínica Vitèe, no Rio de Janeiro.

Mas, como todo óleo, seu uso deve ser moderado: tome no máximo de duas a três cápsulas por dia (ou uma colher de sopa), meia hora antes ou depois das principais refeições. Além disso, para turbinar os efeitos, o melhor é combinar com exercícios físicos. Não é malhação pesada, não. Uma caminhada já ajuda muito, viu?

"O óleo de cártamo não possui contraindicação, mas seu uso deve ser orientado por um profissional", lembra a nutricionista. Ela montou um cardápio que ajuda a secar até 4 kg de barriga em 15 dias. Está esperando o que para conhecer sua nova melhor amiga?

Por que emagrece?

"O ômega 6 presente no óleo de cártamo atua como catalisador da queima de gordura marrom", explica a nutricionista Carla Noce. A gordura marrom tem a função de gerar calor para os órgãos vitais e, por isso, é uma "gordura boa" e "queimadora de calorias". Quando o ômega 6 acelera a queima desse tipo de gordura, o corpo busca energia na gordura branca, localizada na barriga, cintura e quadril. Já o ômega 9, por sua vez, diminui a produção de cortisol, um dos hormônios responsáveis pelo armazenamento de gordura na região abdominal. Esta aí o motivo por que o óleo ajuda tanto a afinar a cinturinha!

Ele murcha as células de gordura!

Um estudo realizado pela Universidade de Ohio, nos Estados Unidos, descobriu que o consumo do óleo de cártamo aumenta a produção de um hormônio chamado adiponectina, capaz de reduzir a absorção de colesterol e gorduras no intestino. Além disso, a substância age nas células gordas do abdome, fazendo-as murchar. Ou seja, ele atua em duas frentes: diminuindo as gordurinhas já existentes e dificultando o surgimento de novas. Bom, né?




Outros benefícios...

· Reduz o apetite: aumenta a produção de leptina, hormônio que causa a sensação de saciedade.

· Previne o envelhecimento: tem ação antioxidante por ser rico em vitamina E, que combate os radicais livres.

· Combate a celulite: possui propriedades anti-inflamatórias que ajudam a diminuir a retenção de líquido.

· Melhora os níveis de colesterol ruim.

Acelere a perda de peso

Se combinar o óleo de cártamo com exercícios físicos, você acelera os resultados. Especializada em treinamento e condicionamento físico, a professora Cristina Carvalho elaborou um plano leve para quem não está acostumada com malhação. Você começa devagarinho e já, já entra no pique... E não se esqueça de alongar antes e depois dos exercícios, tá bom?

· Segunda: 10 minutos de caminhada leve. Depois, reveze cinco vezes 1 minuto de corrida forte com 2 minutos de caminhada. Finalize o treino com 5 minutos de corrida leve.

· Quarta-feira: 10 minutos de corrida leve. Agora, faça 20 minutos de caminhada moderada. Finalize o treino com 10 minutos de corrida leve.

· Sexta: Pratique por 10 minutos corrida leve. Em seguida, corra de maneira moderada por 5 minutos. Repita tudo de novo mais uma vez.

· Sábado: É o dia light, afinal, é dia de descanso! Para não perder o pique no final de semana, pratique 1 hora de caminhada leve.

Fonte: http://mdemulher.abril.com.br/
Dicas de sáude

WWW.ARTVITTA.COM.BR